segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Miriam Makeba (1932-2008)


Até sempre, companheira "Mama Africa"!

Paul Simon & Miriam Makeba
"Graceland" - The african concert 1991


"Pata-Pata" - Miriam Makeba (1979)


13 comentários:

Maria disse...

Morreu a cantar, ainda... contra o crime organizado, contra a mafia.
Uma Lutadora contra o regime do apartheid. E com a saudade fica-nos a memória, as várias memórias que temos dela.

Abreijos

(mais uma vez, e não combinámos...)

duarte disse...

até sempre...

Anónimo disse...

pois! acabei de saber há pouco, na BBC.
ficará, para sempre, entre nós!
témi
vovó Maria

Lúcia disse...

...foi embora...depois de um concerto. Fica a obra e tudo isso. mas custa e pronto!
Beijos

Pintassilgo disse...

Morreu A cantar, morreu a lutar, ninguém vai olvidar.

Fernando Samuel disse...

Que voz lutadora perdemos!

Lembro-me dela na Festa do Avante, na Ajuda.

Um abraço.

Justine disse...

Também me lembro dela, na Festa. Que voz inesquecível, que postura vertical, que GRANDE mulher

Pedro Penilo disse...

Mas que soco...

Hilário disse...

Esta voz magnifica
Esta mulher lutadora irá estar sempre connosco nosso dia a dia.
Um Abraço

Anónimo disse...

Também me lembro dela na Festa do Avante!
Encheu o grande palco 25 de Abri, lá na Ajuda!
Somos uns sortudos, na nossa festa tendos tido oportunidade ver grandes artistas.
Foi lá que também vi Chico Buarque, por exemplo.
Abraços da Lagartinha de Alhos Vedros

BlueVelvet disse...

Terrível este ano.
Quantas vozes nos levou.
Abreijinhos

Anónimo disse...

Vamos perdendo, as vozes que nos ensinaram a respeitar África e saber que os princípios estão acima de tudo.
A luta continua
Até sempre Miriam

Esmeralda disse...

Vozes como a da Miriam Makeba nunca se calam. Ficam ecoando no coração do Mundo.Ter conseguido ouvir-te em Portugal foi um previlégio que nynca se esquece
Que viva Miriam Makeba !!