domingo, 19 de outubro de 2008

Portas e janelas ficam sempre abertas prá sorte entrar. Em todas as mesas, pão.



Tantas vezes apetece ouvir uma canção assim...

vilarejo
(Marisa Monte, Pedro Baby, Carlinhos Brown e Arnaldo Antunes)

Há um vilarejo ali
Onde areja um vento bom
Na varanda quem descansa
Vê o horizonte deitar no chão
Pra acalmar o coração
Lá o mundo tem razão

Terra de heróis, lares de mãe
Paraíso se mudou para lá
Por cima das casas cal

Frutas em qualquer quintal
Peitos fartos, filhos fortes
Sonhos semeando o mundo real
Toda a gente cabe lá
Palestina Shangri-lá

Vem andar e voa
Vem andar e voa
Vem andar e voa

Lá o tempo espera
Lá é primavera
Portas e janelas ficam sempre abertas
Pra sorte entrar
Em todas as mesas pão

Flores enfeitando
Os caminhos, os vestidos, os destinos
E essa canção
Tem um verdadeiro amor
Para quando você for

"Vilarejo" - Marisa Monte
(Marisa Monte, Pedro Baby, Carlinhos Brown e Arnaldo Antunes)


10 comentários:

MP disse...

Veio a calhar.
Estava apetecer!
Só que ouvi segunda vez de olhos fechados.
Pura fruição da música e do poema!
As ilustrações do vídeo ficam para outra hora...

Maria disse...

É verdade...
E na mesa só falta um copo de vinho...
Vou ficar mais um pouco a ouvi-la

Abreijos

Nuno Góis disse...

Brilhante escolha para variar.
Esta veio mesmo a calhar... A ver se relaxamos um bocado no meio disto tudo...

Carminda Pinho disse...

Pra acalmar o coração...veio mesmo a calhar...
A música, ainda é do melhor que temos, para tentarmos ser felizes...

Beijos

Lúcia disse...

Óptima sugestão. Vou atrás.
Beijos

Hilário disse...

que belo o começo da minha manhã de Domingo. Obrigado Samuel

Um Abraço

Fernando Samuel disse...

... e a gigantesca tarefa que é fazer «disto» um lugarejo?...

Abraço grande.

éme. disse...

É maravilhosa, sim!!
Obrigada pelo momento que apetece sempre.

BlueVelvet disse...

Gosto muito da Marisa Monte e particularmente desta canção.
Bela escolha.
Abreijinhos

Caçadora de Emoções disse...

Samuel,
Que bom ter trazido aqui Marisa Monte. Uma cantora de que gosto muito.
Bela canção e poesia!

Abraços e abreijinhos,