terça-feira, 25 de outubro de 2011

Vasco Lourenço – Na verdade... também detesto que me acordem à bruta




Na verdade tinha pensado não tecer quaisquer comentários sobre as tonitruantes declarações do tenente coronel Vasco Lourenço a propósito do «bando de mentirosos» que, segundo ele, tomou o poder em Portugal.
Na verdade, apesar da evidente veracidade desta afirmação do capitão de abril... confesso que a sua intervenção me pareceu mais agitada que agitadora. Tinha por isso, como já disse, pensado não dizer nada sobre o assunto... até ontem à tarde.
Na verdade, em conversa com um amigo que trouxe este assunto para a mesa do café, acabei por chegar a uma possível “explicação” para o mediático acontecimento:
Vasco Lourenço, durante os últimos anos, particularmente estes últimos seis, esteve muito sossegado, a dormir... e, pelos vistos, tem muito mau acordar.

12 comentários:

Maria disse...

É mesmo muito seca...

:))
Abreijo.

Eduardo Miguel Pereira disse...

Ou isso, ou anda a dormir acordado !

Graciete Rietsch disse...

Adormeceu cedo e continua meio adormecido!
Como pode estar tanto tempo em silêncio este capitão de ABRIL?

Um beijo.

heretico disse...

tem sido uma valente sorna, de facto!

mas enfim, mais vale tarde...

abraço

Olinda disse...

Realmente tarde piou...

Anónimo disse...

Boa noite

Bem, já nem este presta!!! Imagino se Cunhal tb acorda-se...
Triste comunismo que estás à tanto "ADORMECIDO".

O chato do costume

acordo horto-gráfico disse...

ACORDASSE!!!!

vovó disse...

Vasco Lourenço comunista???? :)))))... não tenho nada com isso, nem contra, nem a favor e o capitão de Abril, tem todo o direito de ser o que quiser, mas comunista???? :))))...

oasis dossonhos disse...

Graças a Vasco Lourenço os tubarões começaram a mamar tudo o que puderam, até lhe crescerem os dentes e agora devorarem tanto que até o capitão de novembro se chateia. De novembro, que de Abril nunca foi. Fascistóide, sim, amiguinho dos mais carnívoros bandalhos ditos empresários e quejandos vampiros. Com merdosos assim percebe-se por que razão Abril se afundou...

Anónimo disse...

Boa noite, outra vez

Muito obrigado, "acordo, (horto-flori... perdão, gráfico)"
Ok, "acordasse".
Alguém falou em Novembro, pois bem, aí sim "ACORDOU" a democracia, até aí, apenas alguns "LADRÕES" tentaram apodererar-se do "Abril", foi ou não foi? Samuel???


O Chat.........

samuel disse...

Anónimo (23:23):

Não! (esta era muito fácil... fraquinha, mesmo) :-)

Jose Vieira disse...

Enquanto esteve a mamar à conta do orçamento nunca falou , nem nunca se preocupou com quem não tem emprego ,com os pobres , com as reformas de miséria etc.
Nunca mais se preocupou com o 25 de Abril, pois claro se não fosse o 25 de Abril não tinha a reforma que tem e todas as benesses que se desconhecem.
Agora que sente que foi tambem chamado a contribuir , quer um estatuto de excepção.
Afinal o 25 de Abril não era para acabar com a ditadura mas sim para ele subir na vida à conta da miséria do povo.
Só demagogia e oportunistas de barriga inchada.