quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Pedofilia na Igreja - A “casa pia” universal...


«Deixa de olhar para ele que ele deixa-te em paz», terá sido a “piedosa” resposta de um canalha que exerce a função de bispo, às queixas de uma mulher violada por um padre, quando tinha 17 anos.

Este escândalo de pedofilia na igreja “católica” da Bélgica vem a lume, como vai sendo costume, quando a maior parte dos crimes já prescreveu; quando muitas das vítimas, já pessoas adultas, não querem ser arrastadas pela lama... mais uma vez; quando algumas dessas vítimas já se suicidaram.

Leio que o dirigente máximo do Vaticano, o Sr. Ratzinger, diz que mais este caso de pedofilia no seio da igreja, lhe provoca «muita dor». Não quero questionar a veracidade da sua "santa" dor... mas gostaria muito de saber se é uma dor real, solidária com o sofrimento das mais de 500 vítimas conhecidas em mais este caso nojento, ou se não passa de uma simples dor muscular, provocada pelo esforço gigantesco dispendido a encobrir tantos crimes, durante tantos anos.

4 comentários:

Antuã disse...

Isto é uma mafia universal. As dores de Sua Santidade são dores de prazer.

smvasconcelos disse...

Um nojo!
Partilhei o teu post no face. Quanto mais se denunciar estas situações, mais alerta estará a sociedade e mais protegidas estarão as crianças...
bjs,

Graciete Rietsch disse...

Sempre a mesma história. As vítimas,neste caso a rapariga de 17anos violada pelo padre, são sempre culpadas. É ver o caso Casa Pia. Os comprovados culpados são uns pobres inocentes, com direito até a entrevistas na televisão, quando deveriam estar presos.

Um beijo e muita revolta.

Fernando Samuel disse...

Estou em crer que é essa última dor que apoquenta SS.

Um abraço.