sexta-feira, 12 de junho de 2009

Cristiano Ronaldo – Excesso insultuoso



Quem como eu, não percebe nada de futebol, dificilmente consegue alinhavar num texto os elogios que realmente merece a arte e a magia que Cristiano Ronaldo tem nos pés. Já tudo terá sido dito sobre o jovem madeirense, mas esta transferência estupidamente milionária, tão exagerada que até alguns “do meio” estão escandalizados, volta a trazer-nos Ronaldo em doses intoxicantes para todos os noticiários, novamente (como quase sempre) pelas razões que menos importam.

Um dos títulos de jornal diz que Cristiano Ronaldo vale 12 “Maradonas” e 235 “Cruyffs”. Eu, ao contrário, dou por mim a pensar que estes cerca de 93 Milhões de Euros envolvidos na transferência do jogador, chegariam para ajudar, com cerca de 500 € por mês, 15.000 desempregados, durante um ano... e isto, podendo Ronaldo continuar, mesmo assim, a ganhar principescamente, com o restante.

A esmagadora maioria dos comentadores e analistas diz que isto pode ser "questionável", eticamente, dado o momento de crise e blá, blá, blá, mas que enquanto investimento é absolutamente legítimo, terá um extraordinário retorno, etc, etc. Mais, juram que é a (sacrossanta) Economia de Mercado a funcionar e como todos sabemos, questionar a economia de mercado é pouco menos que heresia. É uma questão de fé, ou como alguém disse, muito acertadamente, é a Teologia do Mercado.

Muito bem! E todos aqueles que (mais uma vez) como eu, forem “ateus”... também no que respeita à Teologia do Mercado? Em que estado de “humor” é que ficam?

Não vale a pena fazer um desenho, pois não?

25 comentários:

Clyde disse...

Estas verbas astronómicas são um insulto à tanta miséria que existe no nosso país

João disse...

Desde as "doses intoxicantes" até às considerações sobre o desemprego tudo está no ponto certo neste texto, deste blogue fascinante.
Bastaria que elegessem os desempregados de maior duração ou sem abrigo ou outro critério qualquer, como cláusula social no contrato para "isto" ser menos obsceno, mas certamente a tal TEOLOGIA não comporta qualquer forma de ética.

jrd disse...

Quantos famintos custa um golo?

Daniel disse...

Espantoso tudo isto, sem dúvida, mas prova de uma ignorância que ainge níveis astronómicos quando se diz, por exemplo, quantos "Cruyffs" o rapaz vale. Pelo mesmo critério, e atendendo ao total da tença que Camões recebeu até morrer, o Ronaldo vale cerca de um milhão de Camões.

salvoconduto disse...

Uma autêntica pandemia, a comunicação social sobre este assunto, com destaque para os canais de televisão.

Abraço.

Ana Martins disse...

Isto não é questionável! É um desaforo!
O PCP em Coimbra fez há cerca de ano e meio uma iniciativa de rua chamada "Quantos pobres são precisos para fazer um rico?". A minha personagem era de menina dos inquéritos e fazia essa mesma pergunta aos transeuntes. Recebi muitas respostas, desde insultos a pessoas que se punham a fazer contas com o nº de ricos e o nº de pobres no mundo. Começo a achar que devemos contar também os espectadores nos estádios. E isso que gosto de futebol!

Méon, disse...

Eu concordo com esta perspectiva crítica, claro.

Mas também sei que quem paga estas quantias fabulosas conta com a presença dos "trabalhadores e do povo" nos estádios. Ou diante da televisão, em casa...

Isto é: o grande capital é mau, mas é alimentado pela estupidez daqueles que se sentem ofendidos com as suas malfeitorias.

Como sair deste paradoxo?

Já andei pelo proselitismo religioso da igreja progressista.
Passei depois pela militância activa no mais "coerente-partido- de-esquerda-em-defesa-dos-trabalhadores-e-do-povo". Uma vida nisto.
E o tal povo continua cego!

Como dizia W. Reich: "eu percebo que haja fascismo; não percebo é porque milhões de pessoas o apoiaram..."

Nem eu...

do Zambujal disse...

A teologia do mercado? Acho... um achado! Até por vir de quem vem, de Adriano Moreira. O actualizado ópio do povo.

Um abraço

cetautomatix disse...

Compreendo a indignação, que partilho. Mas fica-me uma esperança. É que foi também com estes excessos que conviveu a maioria das derrocadas dos impérios.

Justine disse...

Hoje nem estou muito rabugenta, mas isto para mim é sempre nojento e escandaloso!
Não vale a pena o desenho não, Samuel!!

Nunes disse...

Ronaldo vai custar cerca de 200 mil contos por mês ao Real Madrid.
Ainda hoje, soube que uma casa na Azambuja estava à venda por esse preço.
O problema desta notícia é que em todo o lado só se fala em Ronaldo e na transferência do Ronaldo.
Por sorte, recebi hoje o documentário "Cuba: An Africa Odissey."
Vale a pena estar atento a outras coisas.
Finalmente, Samuel, és um camarada e mereces a prenda que te vou dar no dia 14 de Junho.
Um abraço

Sal disse...

Insulto? Naaaa...
Os comentadores de serviço ficavam de cabelos em pé era se o Ronaldo resolvia fazer uma doação de um mês de salário ao PCP...
É que... um mês dos dele... dava para contratar a Madonna para vir à Festa do Avante! E ainda sobrava para os Xutos e Pontapés...


bjs

UdL disse...

Moralmente é insultuoso, sim. Foi a primeira coisa que me ocorreu, tal como o triste lamento que tive de achar errado investir tanto dinheiro no talento de uma só pessoa, por maior que ele seja. Sendo ou não em altura de crise. Mas a verdade e, digam o que disserem, é que o Real Madrid consegue pagar o investimento em menos de um ano com as receitas de marketing. Alguém pode condená-los por isso?

GR disse...

De onde vem tanto dinheiro?
Poço de petróleo?
Tráfego de armas?
Droga?
Venda de crianças?
Enquanto lavam 98 milhões, a dita Europa morre à fome! nem quer saber a proveniência do dinheiro. Mas será que não sabe?!!!

GR

anamar disse...

Samuel, como não deve ser hábito repassar pelas lojas vizinhas... só quero dizer q deixei um mini comment, sobre o ZP...
Abreijo

Antuã disse...

Este futebol está dominado por uma mafia repugnante.

Anónimo disse...

De tudo o que li, ouvi e senti não pude ficar de lado sobre esta coisa tão triste como é andar há mais de trinta e cinco anos + os 35anteriores ao 25 de Abril e continuar tudo na mesma...

Será que os professores ensinam as boas normas sociais e não o "Programa"?
Que os pais ajudam os filhos na integração humana/societária?

Somos bombardeados informatica e comunicacionalmente por todos os lados.
A informação/desinformação é mais que nunca.
As pessoas não conseguem, por incapacidade fisica e humana, destrinçar o que é bom e o que é mau.

Não teremos nós, os de esquerda convicta cujlpas no cartório?
A palavra de ordem "Proletários de todo o mundo, uni-vos" continua de pé!
Um abraço do "Catraio"

Fernando Samuel disse...

Não, não é preciso desenho: está tudo «lá»...
um abraço.

Anónimo disse...

É apenas a expressão do mercado capitalista no seu explendor !...

Nuno

Anónimo disse...

Fantástico...

Hilário disse...

Samuel,
quantos milhares de bocas deixariam de passar fome?
Um Abraço

paula disse...

e não é só, na mesma semana:
Real Madrid paga 65 milhões de euros por Kaká, 38 milhões por David Villa e 96 milhões por Ronaldo

Anónimo disse...

Ele realmente não tem culpa até é um jovem,e deve falar +-Inglês.
Mas é como a grande maioria gosta de bola e consegue iludir muitos...
Foi operado há 2anos ao coração e há cabeça e dei comigo a pensar:Homens no campo da ciência a fazer coisa para o bem comum e poucos os conhece, outros que dão quarto chutos numa bola, andam com eles às costas e beneram-os!
A ignorância compensa, matéria atrai a matéria, é isto que são uma grande fatia de portugueses...
Por isso, não ligo ao Futebol.
Gosto mais de: Alvin Toffler,
Alguns autores Portugueses, etc. etc.
Um Matosinhese atento.

Guilherme Gomes e Sousa disse...

O papa Bento 16 disse nesta quarta-feira no Vaticano que o futebol tem um papel crucial para ensinar lições de vida aos jovens. (http://www.estadao.com.br/noticias/geral,papa-diz-que-futebol-pode-ensinar-licoes-de-vida-a-jovens,106753,0.htm)

Não não pensem que era a este futebol interesseiro e avarento que o Papa se referia mas sim ao futebol desinteressado e saudavel que o meu Salgueiros jogava. É uma vergonha que os clubes ricos fiquem com tudo. O dinheiro das transferências havia de ser distribuido pelos clubes mais fracos e também por obras de solidariedade social e de intervenção tanto na area da saude como da sociedade.

Além do mais os jogadores têm vidas indignas. Vejam esse Ronaldo que ontem andava com uma e hoje já anda com outra. Que exemplo dá ele aos nossos jovens? E que exemplos dão as televisões que transmitem a podridão em que ele anda? Parem com a vergonha já.

samuel disse...

E viva a bola!