sexta-feira, 5 de junho de 2009

Edite Estrela - Por baixo do verniz...



Poder-se-ia pensar que esta "artista" padecia apenas de uma maneira sui generis, vá lá... bastante ridícula de falar... mas não! Estalado o verniz, o que se encontra é uma coisa que parece ter sido trazida pelo gato para o tapete da entrada!

... Pim!

13 comentários:

do zambujal disse...

Estrela? Só se for (de)cadente.
A atitude desta çenhora é inqualificável. Coloca a política ao mais baixo nível. A firma Vital & Estrela, Lª. é do mais lamentável (e descredibilizador) que tem aparecido no "mercado"!

Justine disse...

Nunca mais chega domingo!

Orlando Gonçalves disse...

Como professora foi uma lástima, como político foi o que foi na CMS e agora no PE. Mas esta senhora poderia fazer-nos um favor, desaparecer do mapa.

Méon, disse...

Esta gente não tem espelho em casa e usa óculos com lentes de contraplacado. Não se vêem nem vêem o mundo que as rodeia.
É assim o Vital, é assim o Sócrates, é esta senhora, o Lello...

Porque é que não emigram de vez para esse estranho mundo que só eles vêem?

Nocturna disse...

E era esta (de)cadente(copiando o amigo do Zambujal) que com o seu nariz alçado, dizia que queria ensinar a falar português correcto !
Referindo-se à uma Deputada,Ilda Figueiredo, como "ela", sem nunca dizer o seu nome ! É bom saber falar português mas, ainda melhor é ser bem educada e ter uma coisa que parece não ter passado por ali: carácter e é nisso que Ilda Figueiredo pode pode dar lições a esta decadente .
Viva a CDU !
Um abraço
Nocturna

Maria disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria disse...

"As tetas são balofas almofadas
recheadas de esterco e de patranhas
da boca fogem bichas torturadas
pelo próprio veneno das entranhas

As pernas são varizes sustentadas
pela putrefação das bastas banhas
os olhos duas ratas esfomeadas
e as mãos peludas tal como as aranhas

Nasce do estrume e vive para o estrume
a língua peçonhenta larga fel
e é uma corda que ela-própria-puxa

Sai-lhe da boca pus e azedume
tem pústulas espalhadas pela pele
e é filha de si própria. É uma bruxa"

Ary dos Santos
(E quem mais poderia ser?)

E é por isto que grito...

Abreijos e bom dia, quando acordares!

(o comentário acima era meu mas tinha 2 gralhas...)

oasis dossonhos disse...

Ary foi bem citado. A bruxa, esta, mete nojo.
Luís

Antuã disse...

Ainda me lembro do tempo em que essa Edite vinha "dar aulas" de português à televisão e onde era uma Estrela a dizer asneiras.

ZERO À ESQUERDA disse...

Todos temos dias menos bons. Uns mais do que outros. Pronto.

salvoconduto disse...

Alinho com a Maria...

Abraço.

samuel disse...

Todo este tempo depois ainda persiste o cheiro... e o eco das "pancadas" do Ary... :-)))

Abreijos.

Anónimo disse...

Aqui em Sintra, chamavam-lhe PPP: presidente papa-pilas.