quarta-feira, 12 de agosto de 2009

José Sócrates - O megafone



O directório do PS, primeiro pensou em mandar fazer um encarte de propaganda eleitoral para distribuir com o Jornal de Notícias. Houve (imagino) um ou dois que lembraram os outros de que isso é uma prática ilegal. Pensaram então publicar o documento de propaganda no editorial... mas (novamente) terá havido alguém que achou ser um abuso exagerado da boa vontade dos leitores que pagam o jornal. Acabaram então por decidir publicar a coisa, fazendo de conta que é um “artigo de opinião”, assinado pelo conhecido colunista José Sócrates, na esperança de que os portugueses se deixassem comer por parvos, acreditando que aquela peça é de facto um simples artigo de opinião e não aquilo que é: um extenso e descarado panfleto eleitoral do Partido do Governo.

Como sempre, o candidato a deputado pelo PS, José Sócrates, fala com os portugueses como se estivesse a falar para miúdos com graves problemas de aprendizagem. É um discurso manhoso de que o eterno refrão do “eles não fazem propostas, só querem impedir o Governo de fazer o que é melhor para o país”, é apenas um exemplo. É já um clássico. “Eles” nunca querem fazer nada de positivo e por contraste, está fora de questão que o Governo e o PS façam alguma vez algo que não seja, indiscutivelmente, "o melhor para o país".

O problema é que mesmo sem sair de casa, mas tendo a curiosidade suficiente para, uma vez por outra, assistir aos trabalhos da Assembleia na televisão e ler as folhas dos jornais que (normalmente) vêm a “acompanhar” as secções desportivas, qualquer cidadão pode ver que a CDU (PCP-PEV) passa a totalidade da legislatura a fazer críticas, sim, mas também a apresentar propostas, projectos de lei, a pedir esclarecimentos que originam outras propostas, a estudar profundamente os dossiers, a participar em comissões parlamentares, a contribuir com milhares de horas de trabalho... sem descanso nem desfalecimento. Manda a justiça que se diga que, embora seguramente diverso em quantidade e orientação política, o mesmo trabalho é levado a cabo pelo BE, PSD e CDS-PP.

Do funcionamento dos outros não sei. Sei, que por pertencer a uma lista de candidatos da CDU pelo distrito de Évora, tenho acompanhado o actual (e futuro) deputado João Oliveira em dezenas de iniciativas, de consultas a entidades várias que vão de sindicatos à Universidade de Évora, associações culturais, de professores, de agricultores, de estudantes, de pais, etc, muitas delas dirigidas por pessoas que visivelmente nada têm que ver com o PCP ou a CDU, tudo isto com o objectivo de recolher opiniões, críticas, sugestões e contributos, que ajudem a fazer a ligação do programa eleitoral às populações do Distrito, sempre que esses contributos possam ser somados às ideias programáticas gerais e de princípio que a CDU tem para o país e das quais não abre mão. Como aqui em Évora não somos “os seres geniais que vão sozinhos mudar o mundo”... presumo que a CDU tem feito exactamente o mesmo por todo o país e que isso é já visível no seu Programa Eleitoral.

Que Sócrates, mostrando que é uma pessoa que gosta de se “projectar”, vá, por isso, chamando arrogantes a uns e outros e salazarentos a alguns, é o que já se espera da personagem. Que o PS, impelido pela pesporrência que ainda lhe dá a moribunda maioria absoluta, pela diversidade dos assuntos discutidos e até pela legítima discordância com muitos deles, trate de chumbar no Parlamento a quase totalidade das propostas das várias oposições, é compreensível. Insistir em tocar em público esta cassete indigente do “eles não têm uma única ideia para o país”, ou “eles nunca apresentam propostas”, é já verdadeiramente intolerável.

Vão descobri-lo, mais uma vez, com algum estrondo, nos próximos dias 27 de Setembro e 11 de Outubro!

11 comentários:

Fernando Samuel disse...

Excelente texto!

Um abraço.

Anónimo disse...

Está muito bom. Eu é que já não suporto esta gente da laia do Sócrates.

Antuã disse...

O comentário anterior é meu.

LA PASIONARIA«!NO PASARÁN!» disse...

Boa prosa Samuel!Força Camarada e boa sorte para a tua eleição.
Saudaçôes Comunistas

Anónimo disse...

Samuel
Não se preocupe com o PS porque se no dia 27 de Setembro o PSD ganhar as eleições, poderemos agradecer ao PCP pelo apoio que neste momento presta ao PSD atraves do discurso arrogante.E eu conheço o PCP fui militante 20 e muitos anos ..Mas não suporto este discurso sempre sempre a criticar o PS...

Pintassilgo disse...

o anónimo parece que é rachado. Qual é a diferença entre o PS e o PSD? Dão-se alvíssaras a quem encontrar diferenças palpáveis.

Luis Nogueira disse...

Rachadíssimo, passarinho, rachadíssimo! Estes prebostes do PSsst, PSsst, são o diabo. Será que já recebeu o tacho ou ainda tem que apresentar serviço!
Gaita, que eles voam!


Luis Nogueira

samuel disse...

Fernando Samuel:
Obrigado! Abraço!

Antuã:
Compreende-se... ☺

La Passionária “No passarán!”:
Obrigado... mas a minha tarefa não é ser eleito e sim ajudar à eleição de quem está em condições de o ser. Faço-o com grande prazer!

Anónimo:
Caro anónimo, permita-me discordar.
1. Se o PSD ganhar as eleições, pode agradecer... ao PS.
2. Se o PS perder as eleições, pode agradecer... a si próprio.
3. Não estou sempre a dizer mal do PS. Se me perguntarem, também digo que horas são, o que é que há para jantar, etc, etc, etc, ... e até posso falar do tempo que faz. ☺ ☺

Pintassilgo:
Quanto ao “anónimo”, não valerá a pena entrar em classificações...
Quanto às diferenças, o PS, apenas e quando está na oposição, é um bocadinho diferente do PPD-PSD. Estando no poder... é o que se vê.

Luís Nogueira:
Calma, amigo Luís! ☺ ☺
Vamos partir do princípio que o universo dos “ex” não é composto exclusivamente de Zitas Seabras, Pinas Mouras, Vitais Moreiras...


Saludos colectivos!

Mar Arável disse...

Sê igual a ti próprio

já é uma boa ajuda

Felicidades

para a lista

da CDU também em Évora

do zambujal disse...

G'anda texto!
'Tás cá um candidato!
Inté tenho pena de não estar recenseado em Évoar para votar em ti.
Mas não faz mal... também no meu distrito tenho uma lista onde votar satisfêto.

Um abraço

samuel disse...

Mar Arável:
Faremos por isso! :-)

do Zambujal:
Há em todos os distritos, felizmente!


Abraceijos!