quinta-feira, 7 de junho de 2012

Cavaco Silva – Porque não lhe enfiam uma fatia de bolo-rei nas beiças?


Na tentativa de se armar em carapau de corrida ao comentar uma “reorganização” do negócio da saúde “sugerida” pela troika, Cavaco Silva proclamou: «Espero bem que nunca se ponha em causa o acesso à saúde por razões económicas».
Pois espera! Deve mesmo esperar muito...
Já para aprovar todas as leis e normas que têm vindo a ser criadas pelo governo do seu partido, medidas que têm vindo, efectivamente, a fechar as portas do acesso à saúde a milhares de portugueses, como os aumentos das taxas, os cortes nos transportes de doentes, o encerramento sucessivo de serviços, os cortes nas pensões e ordenados, etc., etc., etc.... o Sr. Cavaco Silva, habitualmente, não espera quase nada. Promulga de imediato.
Demagogo! Miserável! Hipócrita! Sonso!

14 comentários:

Manuel Norberto Baptista Forte disse...

Porque é que ele não se cala?.

trepadeira disse...

A fotografia escolhida ilustra bem quem ele é.

Um abraço,
mário

albano ribeiro disse...

Olá, viva Samuel
No post de baixo tens uma imagem que está mais próxima de ..-
e neste post está um cara de cu
Cá vou passando para te ler
Abraço

Graça Sampaio disse...

Impostor! Dissimulado! Quer dar-se bem com Deus e com o Diabo. Eu dava-lha com o bolo-rei todo inteiro nas fuças!

Graciete Rietsch disse...

Hipócrita.Palhaço. Que tem feito ele de positivo pelo País? Ou julga que não tem responsabilidades?
Aquele braço estendido classifica-o bem.

Um beijo.

Bolota disse...

Moços, estou farto de escrever por ai, Cavaco Silva é a coisinha mais CINICO que alguma vez vi em politica. Tanto, que sem mexer uma palha no que diz respeito ao 25 de Abril, é o politica que mais tempo se manteve no activo.

Um exemplo?? O que fez Lobo Xavier de tão importante para alem de ser militante do CDS, para ser um dos condecorados de Cavaco no 10 de Junho???

Nas cerimonias funebres de Saramago, fez-se representar. Saramago era só e apenas um dos mais recentes NOBEL da letiratura.

Abraços

O Puma disse...

Meu caro

estamos numa república
de bananas

joaquim d'demira disse...

Constituição da república portuguesa-Artigo 64.º
Saúde

1. Todos têm direito à protecção da saúde e o dever de a defender e promover.

2. O direito à protecção da saúde é realizado:

a) Através de um serviço nacional de saúde universal e geral e, tendo em conta as condições económicas e sociais dos cidadãos, tendencialmente gratuito;

b) Pela criação de condições económicas, sociais, culturais e ambientais que garantam, designadamente, a protecção da infância, da juventude e da velhice, e pela melhoria sistemática das condições de vida e de trabalho, bem como pela promoção da cultura física e desportiva, escolar e popular, e ainda pelo desenvolvimento da educação sanitária do povo e de práticas de vida saudável.

3. Para assegurar o direito à protecção da saúde, incumbe prioritariamente ao Estado:

a) Garantir o acesso de todos os cidadãos, independentemente da sua condição económica, aos cuidados da medicina preventiva, curativa e de reabilitação;

b) Garantir uma racional e eficiente cobertura de todo o país em recursos humanos e unidades de saúde;

c) Orientar a sua acção para a socialização dos custos dos cuidados médicos e medicamentosos;

d) Disciplinar e fiscalizar as formas empresariais e privadas da medicina, articulando-as com o serviço nacional de saúde, por forma a assegurar, nas instituições de saúde públicas e privadas, adequados padrões de eficiência e de qualidade;

e) Disciplinar e controlar a produção, a distribuição, a comercialização e o uso dos produtos químicos, biológicos e farmacêuticos e outros meios de tratamento e diagnóstico;

f) Estabelecer políticas de prevenção e tratamento da toxicodependência.

4. O serviço nacional de saúde tem gestão descentralizada e participada.

...esta é que é a criatura que se diz ser o presidente da República ?
aquele que jurou cumprir e fazer cumprir a CRP ?


Cumprimentos
Joaquim d'odemira

Antuã disse...

A besta não pára de zurrar.

Anónimo disse...

Pena que a maioria dos comentários caiam no primitivo erro do blog. Insulto, insulto e puro insulto sem o minimo de substância.

samuel disse...

Anónimo (11:29):

Então e em que "substância" é que o nosso amigo cavaquista anónimo está a pensar? :-) :-)

do Zambujal disse...

Espera bem... e vai atirando areia (SAND - sistema de aproveitamento do negócio da doença) para os olhos das gentes.

Um abraço, passando por cima dos anónimos e substanciais insultos

Medronheiro disse...

O anónimo parece que está a brincar connosco. Então como é que se pode tratar uma besta destas?!....

Campista selvagem disse...

Bom...
têm noção de quanto custa o bolo-rei, querem desperdiçar mais dinheiro, já não chega o que lhe pagam em salários, reformas e afins...
È melhor manter um borro a pão-de-ló, sempre tem alguma utilidade.