quarta-feira, 6 de junho de 2012

Passos Coelho, Selecção Nacional... e paciência


Fustigados por um vendaval de canalhice e falta de vergonha na cara, torna-se cada vez mais difícil distinguir notícias reais, de “notícias”, digamos... inventadas por mim, ou, sobretudo, quais são as mais "alucinadas". Ora vejam:
1. «Passos Coelho elogia extrema paciência do povo português».
2. «Passos Coelho pede encarecidamente aos jogadores da Selecção Portuguesa que façam tudo o que for possível para não irritar muito Angela Merkel no jogo contra a Alemanha...».
Será?... Não será?...

4 comentários:

trepadeira disse...

Ainda vai ver a paciência.
O bicho,por mais manso que seja,acaba sempre por escoicinhar e investir.

Um abraço,
mário

samuel disse...

José Freitas:

Ó Freitas... você é um bocado "lento", não?!!!!

Edgar Carneiro disse...

Os "elogios" desta gente são verdadeiros insultos.

Manuel Norberto Baptista Forte disse...

O que será (quanto a mim) é que o limite da indecência social e económica já foram há muito ultrapassados, por isso não me sinto "vocacionado" para receber lições de pessoas que sempre e só foram e são profissionais da política, como também, e falando de selecção nacional, quantas insustentáveis vidas quotidianas não se amenizariam (pelo menos) com aquilo que os "lordes portuguese" estão a gastar em terras polacas? Por favor, se não fôr uns dez minutitos (...é a vida)de futsal e de vez em quando, qualquer dia já nem calço os ténis, com receio que me confundam com algum... craque !!!. Sim daqueles que só sabem "falar" com os pés...