domingo, 25 de novembro de 2007

A paz em saldo



José Ramos Horta, que conseguiu chegar a presidente de Timor, pretende propor o nome de Durão Barroso para Prémio Nobel da Paz 2008.
Confesso que não sei o que será pior... Se ver o Nobel da Paz ser entregue ao cúmplice na guerra do Iraque, que nos mentiu quando disse que viu provas que justificavam a guerra e voltou a mentir agora quando disse que foi enganado mas que tudo acabou em bem pois até foi "promovido", ou se é alguém receber seja que prémio for, proposto por Ramos Horta.
Aceito sugestões para a resolução deste meu dilema. Obrigado!

11 comentários:

Maria disse...

... que venha o demo e escolha...
Bom domingo!

Hertz disse...

rsssssssss...o homem endoidou,ou quer pagar favores! cruzes canhoto!
vade retro,satana!

Maria disse...

estamos vada vez melhores. pois... como diz a "outra" maria : " que venha o demo..."
témi :)

Rui Caetano disse...

Essa tá boa, já agora prémio Nobel da fuga pa a Europa...!

alex campos disse...

O Nobel (prémio) da Paz está desacreditado há muito. Desde que alguém o recebeu por fomentar guerras no Médio Oriente. Sartre foi o único lúcido no meio disto tudo.

JOSÉ FARIA disse...

Também concordo!
Só será preciso afixar-lhe uma boa fita adesiva na boca, que lhe dê a volta à cabeça, para que fique calado e mudo.
Aí sim!
Concordo que este senhor, senhor à nossa custa, (que nos enganou e fugiu) seja Nobel (ou nobelo)da pasmaceira..., quero dizer da Paz e da Asneira!

Fernando Samuel disse...

Entre uma e outra das hipóteses... tanto faz. O Nobel da Paz ficará tão bem no Barroso como ficou no Horta. Cá por mim, propunha três em um: o Bush, o Blair e o Aznar.

Fernando Samuel disse...

Entre uma e outra das hipóteses... tanto faz. O Nobel da Paz ficará tão bem no Barroso como ficou no Horta. Cá por mim, propunha três em um: o Bush, o Blair e o Aznar.

JRV disse...

Enfim... Para além de ter ficado abismado com a notícia, nem sequer consegui perceber quais as razões de Ramos Horta. Terá sido simplesmente uma proposta "porque sim"?

Anónimo disse...

Meus senhores, isto anda tudo ligado... e já se sabe. Se tu dás o bife, eu ofereço a frigideira. Uma mão lava a outra... Digo eu...

Anónimo disse...

Queira desculpar, eu daí lavo as minhas mãos. Não sei que produto usa o meu caro amigo, mas se permite, perguntar-lhe-ei....
Com sinceridade
anónimo