domingo, 4 de novembro de 2007

Solidariedade ou negócio?



Dou por mim muito mais vezes do que desejo, a desconfiar da lisura de objectivos e transparência de métodos de algumas ONGs instaladas no "mercado" dos sentimentos e da solidariedade.
Se esta estranha estória da Arca de Zoé não for rapidamente bem contada, acho que ainda vou ficar pior...
Citando o Zeca, "e juro que não o queria"!

4 comentários:

gasolina disse...

Palmas!!!

Um blogue vertebrado e com consciência!

Muito Obrigado: isto é um refresco no deserto!

Maria disse...

Também me parece que tem aaaim um cheirinho... a diferente... pra não dizer outra coisa (porque não sei, ainda).

Maria disse...

assim :)
esta coisa do teclado ficar preso...

Pisca disse...

Caro Samuel

Quando vier aqui para as zonas de ALmada, teri muito gosto em lhe contar uma coisas sobre ONG's que vi e assisti por Angola

Um Abraço