sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

O PS votou como?!!! Não!!! Pode lá ser?!!!




E pronto! O dinheiro, mais uma vez, falou mais alto. Os senhores acionistas das grandes empresas que querem distribuir os dividendos antes do tempo para fintar o fisco, enquanto o resto dos cidadãos amocha com cortes de ordenados, cortes de abono de família, cortes nas reformas, cortes nos orçamentos de tudo e mais alguma coisa, aumentos de impostos, aumentos de preços, desemprego, precariedade, etc., etc., etc.... podem respirar de alívio! Os diligentes representantes dos seus interesses, enquanto capitalistas, não os deixaram ficar mal. Nada de novo!

O PCP ainda tentou, antes que o ano acabe e estes senhores se abotoem com vários milhões de Euros extras, fazer aprovar uma proposta que os obrigasse a pagar impostos... mas nada feito!

Se bem que a posição do PS não seja nova, foi admirável assistir à ferocidade com que a matilha (se bem que com um interessante número de exceções) se abateu sobre a proposta dos comunistas. Não fosse o diabo tecê-las, a disciplina de voto foi garantida recorrendo a tudo, até à dramática ameaça de demissão do histérico Francisco Assis, com um ar desvairado pelo cagaço de poder não conseguir fazer a vontade aos senhores acionistas... provavelmente, alguns deles, sentados na sua própria bancada parlamentar.

E pronto! O Partido Socialista mandou a ética, a equidade e a justiça fiscal às malvas e colocou-se ao lados dos interesses mesquinhos do grande capital. Nada de novo!

Agora uma coisa digna, mas mesmo digna de ser vista... é a minha cara de “espanto”!!!

11 comentários:

Anónimo disse...

Samuel, não foi o PS que votou a favor do capital. Foram uns tipos que estão na AR por engano. Engano nosso. (Nosso, dos que votaram neles.)
Um desiludido abraço.
Daniel

samuel disse...

Daniel:

Aqueles que como tu, sonharam "outra coisa", olhem... multipliquem-se, sei lá...
(Sou o pior "aconselhador" do mundo!) :-)))

Abraço.

salvoconduto disse...

Isso é tudo má vontade tua...

Felizmente sou mais compreensivo e talvez por isso também abordei o tema no meu canto.

Maria disse...

Não esperava outra coisa. Sempre foram assim...

Abreijo.

Pintassilgo disse...

O Partido Sabujo portou-se à altura dos acontecimentos.

Fausto disse...

Meus amigos

Afinal, do que é que estavam à espera?
Então, não é o costume?

Fausto Castelhano

JP disse...

Repararam bem no ar do Assis? Parecia que o tipo tinha saído dum combate de boxe ou de um ringue de luta livre. Afinal não, era 'apenas' a reunião do grupo parlamentar do P'S'...
Acredito que uma visita a Felgueiras lhe revigorasse o espírito. Em vez de uns óculos novos, bem que poderia ganhar uma consciência verdadeiramente socialista, se é que alguma vez soube ou saberá o que isso é.
Abraço

Fernando Samuel disse...

Imagino a tua «cara de espanto»...

Um abraço.

maia disse...

Os Guterres, os Assis, os Sócrates, os etc, etc, já nós sabemos de que lado estão e porque estão lá. O que dói fundo e com revolta é o voto dos portugueses, que trabalham e sofrem e ali os instalaram. Porquê?

Eduardo Miguel Pereira disse...

De facto é de salientar o ar esgazeado do Assis. O homem estava em bolandas, ao ver-lhe o chão fugir debaixo dos pés.
Assim se vê quem é que verdadeiramente lhes paga o "ordenado".

Graciete Rietsch disse...

Eu não me senti nada espantada. Já sabia que ia ser assim. Espantados devem ter ficado os que de boa é votaram neles. Que ,ao menos, cheguem a algumas conclusões!!!!!

Um beijo.