segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Património Mundial – O fado já cá canta


Já cá canta! O fado é Património Imaterial da Humanidade. Parabéns a todos os que se empenharam no projeto da candidatura!
Parabéns a (quase) todas as cantadeiras e cantores!
Parabéns a tantos e tantos fados!
Parabéns aos grandes poetas populares e também aos “outros”!
Parabéns aos grandes músicos e a todos os que só “dão uns toques”... mas por amor.
Parabéns a todos os que fazem do fado mais um posto de combate ao fatalismo, ao saudosismo retrógrado, ao marialvismo bafiento...
(sobre) Viva a música portuguesa!

12 comentários:

Graciete Rietsch disse...

De acordo. Fado choradinho,não!
Mas fado que constata o sofrimento e sofre também, sim!!!!

Um beijo.

Eduardo Miguel Pereira disse...

Portugal de parabéns, muito para além dos ratings, das crises, que a vida é bem mais que números.

Viva Portugal, viva a nossa maravilhosa cultura.

trepadeira disse...

Gosto daquilo que considero,subjectivamente é claro,boa música.
Estas coisas raramente me entusiasmam.Têm,quase sempre,outros fins.
Esta,talvez por coincidência,veio em boa altura para distrair do que é importante.
Aquele penúltimo parágrafo do post diz tudo,também ouço com agrado daqueles fados.
O resto que por aí anda é pobre,muito pobre,retrógrado,querendo ressuscitar fantasmas,enjoa-me.
Espero que outras músicas,com bem mais mérito,possam ter maior divulgação.
E viva a música portuguesa.

Um abraço,
mário

Fernando Samuel disse...

Viva a música portuguesa!


Um abraço.

pintassilgo disse...

A mim nem me aquece nem me arrefece.

carol disse...

VIVA!

oasis dossonhos disse...

Desculpa discordar desse entusiasmo, mas só vi vedetas elitistas - até a aconselharem que o fado se torne mais limpinho, por causa da turistada. Tive de desligar o televisor. E ver certos senhores engravatados a empunharem o cadáver da Amália, os mesmos que nas campanhas eleitorais aceitam nos sons/chamariz passar o Ó Tempo Volta Para TRás...causou-me náuseas...são os mesmos que aceitam extinguir freguesias, que andam língua na boca com a troika...depois, onde o Fado nas Colectividades, mais importante que estes vendilhões mediáticos? A Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto, que andou a promover pelo país a candidatura, apareceu alguma vez na TV? O que se passou, a meu ver, foi que um dos três éfes, passou a ser mais igual aos outros - falo dos negócios da Fátima SA e do Futebol...
Prefiro aos Carrilhos, Carmos, Marizas, mouras e quejandos os anónimos, na falta de um Ary, que garantem (até quando?) o sabor genuíno de uma criação popular.
Abraço.

samuel disse...

Oasis dossonhos:

Entusiasmo?!!!
Pronto... se calhar não me expliquei bem... :-)))

Anónimo disse...

Antes o Fado que outras cançonetas!
Bem, lá vão vender o Fado e, porque não?!!!... Por este andar vai ser se tudo menos portugues e lá vai o Fado deixar de o ser. Será Angolano, Brasileiro ou Chinês?!!!....
Vicky

Anónimo disse...

"Por este andar...."
é, o tempo é feito de mudança.

gina henrique disse...

Também fiquei contente com esta vitória pois para quem tem tão pouco qualquer coisa é muito,só tenho receio que,com o nome de património,os nossos governantes tratem de o vender mesmo antes de ser conhecido como português!!!

Anónimo disse...

Petição Manifesto Cante Alentejano a Património Imaterial da Humanidade

http://www.peticaopublica.com/?pi=P2011N17409