sábado, 13 de outubro de 2012

Nobel da Paz – Pontos de vista...


Em plena tormenta, um Nobel da Paz para a União Europeia – diz o título de um dos jornais que falam do assunto. Barroso está muito feliz...
Já o meu filho do meio, jornalista a recibos verdes e “contratado” à peça, que não devia estar lá muito bem disposto, nem num dia de grande europeísmo, comentou na sua página do facebook:

9 comentários:

Dona Sra. Urtigão disse...

Está cada vez mais difícil entender e aceitar este mundo.

Rogério Pereira disse...

O que nos safa a alma são os nossos filhos...

[fui ao facebook (tentar) alargar a amizade]

Maria disse...

Está o teu filho cheio de razão.
Mas eu acho que foi 'engano'...

Abreijos.

Pata Negra disse...

A dividir por 27 quanto é que calha do prémio a Portugal? Isso é que interessa! Porra, estamos a precisar de comprar umas granadas!
Um abraço a prémio

Antuã disse...

Ligo tanto aos prémios Nobel como à primeira camisa que vesti.

Graciete Rietsch disse...

Gerar pobreza cria violência. Não devíamos então chamar a este prémio o Nobel da Guerra? Não é nova a expressão,mas é pertinente.

Um beijo.

Bolota disse...

Moços,

Sabem como se diz em Baleizão??? Com papas e bolos se enganam os tolos.

Giro é verificar como o capital adorna a pilula.
Será que há alguem de bom senso que aceite este Nobel como devidamente atribuido para alem de Cavaco e o Burroso???

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=vpRJapo5xJI#!

Abraços

trepadeira disse...

Pois,e fazer a guerra,destruindo povos,roubando,pirateando,vale o mesmo que fazer a paz?

O tal prémio é cada vez mais novel,faz jus ao inventor da pólvora,mas cada vez menos digno,a maioria de quem o recebe.

Um abraço,
mário

Rural disse...

Até que enfim temos um Nobel da paz, ainda bem que somos europeus e não marroquinos.