sexta-feira, 3 de julho de 2009

Males que vêm por bem



Cansado de ser citado apenas por jornalistas, comentadores e blogueiros... quase sempre para ser alvo de gozo, Manuel Pinho poderá a partir de agora ser igualmente citado (de perto ou de longe) por muitas centenas de bravos forcados.

13 comentários:

Maria disse...

Deve ser mais fácil pegar um toiro do que pegá-lo a ele... acho que só de cernelha, mesmo...

:)))

Abreijos

Pedro Penilo disse...

O problema foi ter visto vermelho. É o diabo...!

duarte disse...

podemos toureá-lo em espanha?
abraço do vale

CS disse...

Maio68, Quartier Latin onde as paredes falavam. Cito de memória: "Seule les bêtes à cornes ont peur du rouge". São medos!...

J.S. Teixeira disse...

Vejam o artigo de opinião escrito no blogue O Flamingo acerca da "tourada" que teve lugar, ontem, na Assembleia da República.

Antuã disse...

Há mais animais a marrar no vermelho.

Pisca disse...

Dois comentários em um (coisas da crise)

1 - O homem andou que tempos a procurar investidores, que à falta de melhor........ investiu ele

2 - Onde é que anda a Animal, então touradas na AR já pode ser ? Tá mal, aguardo o rapazinho a espumar por causa disto, ainda por cima, trataram mal o "lidado" que mostrou as hastes

ps: já sei sou mauzinho.....

amigona avó e a neta princesa disse...

Tal e qual!
Abreijos

Ana Martins disse...

"Nós vamos pegar o Mundo pelos cornos da desgraça e fazermos da tristeza graça!"
JCAry dos Santos

Ana Martins disse...

"Nós vamos pegar o Mundo pelos cornos da desgraça e fazermos da tristeza graça!"
JCAry dos Santos

samuel disse...

Aquele pobre homem nem currículo tem para entrar para a galeria das bestas que ao longo de muitas décadas nos fomos habituando a pegar de caras. Veio à liça por engano... inesperadamente, como ele próprio dizia.

Abreijos.

Anónimo disse...

Este ano já não deve dar mas, será que o ex-Ministro, não será candidato a uma medalha no 10/6/2010? Podia ser uma de cortiça, desde que fosse pelo mais merecido demérito, ou pelo mais acumulador de asneiras ...

Manuel Norberto Baptista Forte disse...

DESCULPEM, o comentário anterior é da minha autoria.