segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Palestina - Tomar partido



Todos os dias são bons para repudiar os massacres, os crimes de guerra, o sacrifício de inocentes, a barbárie. Todos os dias são bons para não ficar "em cima do muro" e ter uma opinião. Todos os dias são bons para ser solidário com o povo da Palestina.

Hoje é um bom dia para o demonstrar!

Lisboa - Largo de S. Domingos - 18 horas

17 comentários:

Aristides disse...

Não vou estar fisicamente, mas sou solidário com esse povo sofrido mais do que todos, esse povo desprezado e violentado, contra o qual, cinicamente, tantas bempensâncias erguem a voz, em nome, vejam só!, da segurança do agressor, Israel.
Abraço

Maria disse...

Então até daqui a bocadinho...
... e façam boa viagem.

Abreijos

GR disse...

Viva à Palestina!
Não à Guerra!
Gritem por mim.
Um grito de dor e solidariedade.

GR

anamar disse...

Forca amigo!
Estarei em pensamento...
Mais vezes teremos que marchar, para mal dos pecados da humanidade!
Abracinho
Ana

Fernando Samuel disse...

TODOS OS DIAS!



Um abraço.

duarte disse...

E EU AQUI TÃO LONGE...
ABRAÇO SOLIDÁRIO

Antuã disse...

um dia o crime será derrotado.

Anónimo disse...

Por onde andaram vocês nos meses em que o grupo terrorista Hamas andou a atirar com mísseis para Israel?

Bahhhhhhhhhh ...

samuel disse...

Anónimo

Leia! Abra os olhos...

Ana Camarra disse...

Samuel

O problema é mesmo esta malta abrir os olhos.

beijos

gabriela disse...

Infelizmente são ainda muitos os que não querem ver o óbvio e por isso as atrocidades e injustiças vão continuando.
ATÉ QUANDO?

Antuã disse...

que seria dos criminosos se não fossem certos anónimos. Já andamos a ver este filme há milhares de anos desde o tempo dos Filisteus. Foi quando Sansão matou milhares de Filisteus com a queixada dum certo Anónimo.

Antuin disse...

Antuã disse...
que seria dos criminosos se não fossem certos anónimos.

ehehehehe ... esta está boa, o rôto a falar do esfarrapado.
Antuã? grande anonimato ... ou será uma máscarta em cima do anonimato?
Ou será ainda a estação de serviço da autoestrada na zona de Estarreja a falar?

Tem toda a razão, Antuã ... que seria dos criminosos se não fossem certos anónimos.
CERTOS ANÓNIMOS !!!!!

samuel disse...

Para o caso de não lhe ocorrer... ainda pode fazer mais trocadilhos, por exemplo, com "antuen", "antuon" e "antuun".
Apareça sempre. O "anónimo" é uma espécie protegida...

Joao Carlos disse...

Quer-me parecer que o anonimo e o oppenheimer sao o mesmo personagem. Em alemao quer dizer mais ou menos balde aberto e anonimo já toda a gente sabe o que significa.
Gostava de educadamente dizer ao anonimo que as pessoas que frequentam como eu este blog estavam e estiveram sempre aqui. Sem medo. Do lado da justica e contra a barbaridade de atacar quem nao tem meios de defesa, está cercado e abandonado por todos.
A menos que o anónimo também pense que as criancas estao só a fingir que estao mortas. Tipo Hollywood, tá a ver?
E educadamente também lhe direi que o problema de Gaza e dos Palestinianos nao comecou com o Hamas e nem sequer com os ditos roquetes. E pelo andar da carruagem, educadamente lhe digo, que até parece que é a CIA ou a Mossad que manda essas coisas contra os judeus.
E tal como já foi aconselhado ao balde aberto, muito educadamente lhe recomendo que leia qualquer coisa sobre o assunto.
E finalmente educadamente lhe digo que se o Bahhhhhhhhh significa que nao gosta de ler o que lê, nao volte. Nós agradecemos.

Antuã disse...

E que pensa o anónimo dos 5000 filisteus mortos pela queixada dum certo animal?

Antuin, primo(a) do Antuã disse...

João Carlos

Falas, falas, falas mas a verdade é que se clicar no teu nome vejo que o teu perfil não está disponivel. Deves ser tão anónimo como o Antuã que é meu primo por isso, não percebo a tua critica relativamente ao "anónimo".
Se calhar se eu dissesse que era o Pai Natal ou o Obama, ou o Bin Laden, já não era anónimo. Está bem José Carlos, porreiro, pá!

Posto isto, gostaria de, EDUCADAMENTE claro, dizer-te que o balde aberto que me reservaste e para o qual me convidaste, na minha terra diz-se uma gamela aberta. Está convidado também, aparece por lá que não te hão-de faltar.

Eu não disse que as crianças que estavam mortas era a fingir Tipo Hollywood, isso é desconversar. O que o anónimo mascarado em João Carlos não é capaz de dizer é que Israel também tem sido vítima de MORTES provocadas pelos TERRORISTAS do Hamas. Isso, o anónimo mascarado não diz.
E não venha com tretas de rokets artesanais porque eles MATAM MESMO. Como MATARAM.
E como têm andado a matar os bombistas suicidas em Jerusalém e na Cisjordânia.

Vai vendo isto enquanto a gente conversa:
http://www.haaretz.com/hasen/spages/1052237.html

A reacção é desproporcionada em Gaza? Talvez seja, mas a verdade é que em meses seguidos, se te caíssem na sopa 70 desses rokets diários, queria ver o que fazias. Levavas-lhes flores, só pode.
E, aquilo a que a gente se vai habituando a ver é as pessoas, principalmente uma certa esquerda complexada e embuste, fugir à verdade e tomar uma das partes. A direita é igual mas é menos, como direi ... aguerrida, não sei bem.
Se um branco bate num preto, é racismo, mas o contrário já não é quando toda a gente sabe que racismo é a mesma coisa para os 2 lados. É só acompanhar o folcrore do SOS Racismo para se perceber o que quero dizer.
E aqui em relação à Palestina é igual. Porque o que têm de confessar e isso NÃO O FAZEM ABERTAMENTE, é que o secreto desejo de vocês é RISCAR ISRAEL dDO MAPA e se possível EXTERMINAR "aquela raça". Nessa altura ... estava tudo bem.
Se querem ser isentos, comecem por CHAMAR com todos os dentres da boca, TERRORISTAS aos TERRORISTAS do Hamas, talvez depois seja possível entabular algum diálogo DEMOCRÁTICO, que não seja só voltado para um dos lados.

Para perceberes melhor o que é o Hamas, só por ignorância talvez não saibas que são verdadeiramente TERRORISTAS, vê este vídeo.

http://blasfemias.net/2009/01/04/o-que-e-o-hamas/

E já agora, agradecendo o teu EDUCADO convite, também te quero EDUCADAMENTE dizer que não voltarei aqui. Como vês, gosto de te ver feliz.

Espero que tenhas um bom ano e com saúde, aguardo-te na gamela aberta. Serás sempre bem vindo!