terça-feira, 22 de dezembro de 2009

A garotada...



Mais de 24 horas depois da acidental interrupção no meu contacto com este blogue, provocada por uma mudança de fornecedor de internet, gostaria de estar bastante mais bem disposto. Mas como, se uma tão grande parte do que mudou, foi para pior?

Como suportar esta indigente e irresponsável escalada de tensão institucional entre um Presidente, que não consegue dominar a sua vontade de estar com o PPD, mesmo que isso o ponha à beira de comprometer a reeleição, contra um Governo e um PS que não encontram melhor antídoto para a maioria relativa que obtiveram nas eleições do que este crescendo vingativo de vitimização, agressividade e chantagem, bastante ajudados por elementos seus no Parlamento, todos à procura de um pretexto de novas eleições?

De que valem os lúcidos reparos de alguns, que vão no sentido da denúncia destes óbvios propósitos e de chamar uns e outros para a realidade que o país enfrenta, se, tal como as bestas a quem puseram antolhos, eles já só conseguem ver o caminho que traçaram, mesmo que isso faça todo o país andar à nora?

Como não pensar que, por vezes, este tipo de “luta política” mais parece uma birra? Como não pensar, tantas vezes, que parece estarmos a ser governados por garotos?

15 comentários:

Sal disse...

Não parece: estamos mesmo!
bjs

salvoconduto disse...

Daqui a um ano a garotada é a mesma e as garotices também não devem mudar muito.

Abraço.

Maria disse...

Creio que os garotos seriam mais responsáveis. Pelo menos nas brincadeiras.

Abreijo

Daniel disse...

O problema é que esse tal caminho por onde deveriam andar, e não andam, era o que os eleitores (ingenuamente) traçaram. Ou em que pelo menos alguns acreditaram.

Meg disse...

Garotos é o mínimo...e com muita benevolência...
Deplorável e que nos trará graves consequências.
E depois os garotos?
Depois terão uns tachitos por aí, e por conta do Zé contribuinte.

FESTAS FELIZES para ti, Samuel!

Abreijos

Graciete Rietsch Monteiro Fernandes disse...

Birra? As lutinhas são bem pensadas. A ver vamos o que vem aí de mais sofrimento. Um beijo camarada Samuel.

Camolas disse...

- Garotos perigosos...

Anónimo disse...

Sim de facto são aquilo que são sem
tirar nem por...Mas será que teremos de aguentar?
Será que tenho de viver mais 70 anos a macaquear uma qualquer revolução?

É que isto, meus amigos, já não tem cura, e com remendos ainda pior!

Nunca soube esperar, andei sempre metido nelas, antes e depois da revolução dos cravos. É chato ter de aguentar mais tempo e tempo que nunca chega..!

Homem das Tabernas disse...

Caro Samuel,

o nosso estabelecimento sente-se muito orgulhoso por passar a ter tão distinto cliente.

Carlos Machado Acabado disse...

Realmente, a impressão com que se fica disto tudo é que a irresponsabilidade e a trapaça táctica levaram o regime para muito perto do fundo---que é como quem diz: do seu próprio limite.
Devemos, algures, num momento qualquer, ter todos enlouquecido como sistema, sem nos termos dado, até agora, conta disso.
Devemos [ALGUÉM deve!] ter adormecido "ao volante do regime" e estar a ponto de, a qualquer momento, levá-lo a embater de frente na realidade com o estrondo e os "estragos" que se adivinham!

Como diz o Cesariny numa tradução conhecida das "Iluminações" do Rimbaud: "Isto só pode ser o fim do mundo avançando!..."

Um cordialíssimo novo abraço natalício a todos, incluindo, claro, o sempre lúcido e esclarecido anfitrião!

São disse...

Alarves, Samuiel, alarves...não garotos!

A oposição vinga-se da anterior legislatura, o PSD anda completamente sem rumo nem ideias, Cavaco mete as mãos pelos pés e deixa andar tudo numa arruaça e Sócrates e a parte do PS que o apoia ainda não assentaram os pés na terra.

O mais dramático é que não se vê saída . pois a política , ou melhor, a classe política que nos (des)governa - com raras excepções, deveria recolher definitivamente a penates .


Para si, para a Maria e para quem desejarem um Natal e um 2010 com saúde , paz e amor.

Fernando Samuel disse...

Garotos perigosos, perversos...

Um abraço.

Antuã disse...

Imbecis é o que eles são.

samuel disse...

Sal:
E vê-se!

Salvoconduto:
Aquilo é espécie que só cresce por fora...

Maria:
Estes são dos maus... dos corrécios, como se diz lá para cima...

Daniel:
Já não há ingenuidade que desculpe. Eles são o que são há muito tempo, mentem como mentem há muito tempo, traem como traem há muito tempo... e só não sabe que não faz nada por saber.

Meg:
Os tachitos são a cereja em cima do bolo... para ainda gozarem com a nossa cara.
Festas Felizes, também!

Graciete:
Todas as tropelias destes “garotos” maus... são bem pensadas.

Anónimo:
Chega sempre um dia em que o fim da paciência é uma coisa boa!

Homem das Tabernas:
Quem “distinto” diz branco... ou mesmo uma ginjinha... ☺ ☺

Carlos Machado Acabado:
Já começa a não haver mais poço para descer...

São:
Pronto... garotos alarves. ☺
Vai haver saída, sim. Tem que haver...

Fernando Samuel:
Daqueles que até dá vontade... ☺


Saludos gerais!

samuel disse...

Antuã:
Ainda faltava essa, obviamente... mas veio a tempo! ☺☺☺

Abraço!