segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Atrevimento saudável - "Arestas de Vento"




No Pinhal Novo, ali junto a Palmela, há uma rádio local. É a “Popular FM”.

Nada de extraordinário, poderíamos pensar, dada a verdadeira floresta de rádios locais que existem por esse país fora. O que é que me faz falar desta, em particular? É a ousadia que os detentores da antena demonstram, ao terem na sua programação um programa que vai para o ar aos Sábados, entre as 16 e as 19 horas, intitulado “Arestas de Vento”, criado, produzido e realizado com um saudável atrevimento pelo Ricardo Cardoso, primorosamente assistido (na técnica e não só) pela Céu Campos.

Porque é que lhes chamo “atrevidos”? Porque numa altura em que o que está a dar é não fazer ondas e deixar-se ir com a corrente, este casal de radialistas teima em andar exactamente contra a corrente, fazendo deste seu “Arestas de Vento” um momento de cultura, de lucidez, de resistência, de polémica (quando tem que ser), passando a música que, para dizer o mínimo, não está na moda e ocupando as duas horas do programa com uma grande entrevista a pessoas da sua escolha e simpatia. Assim de memória, nos últimos tempos, são exemplo desse “atrevimento” as entrevistas a Pedro Namora, Fernando Tordo, eu próprio e neste Sábado que passou, o escritor, resistente antifascista, dirigente do PCP e director do Jornal Avante!, José Casanova.

Foi uma grande entrevista! Ouvi-a em gravação, ontem, entre a uma e as três da madrugada. Não me alargo mais nos elogios, porque tanto o entrevistado como o entrevistador, falaram de mim, em termos que me deixam muito honrado e sobretudo, porque a “banda sonora” que foi acompanhando a entrevista, foi quase exclusivamente composta de canções minhas, sendo a única excepção uma pérola rara, a “Roseira Brava”, cantada como fado tradicional na voz do saudoso amigo José Labaredas, homem do Couço, da cultura, da gastronomia, da amizade sem "truques" e sobretudo, um grande ser humano.

Para saberem exactamente do que estou a falar, este link levar-vos-á até à página do blogue “Arestas de Vento” onde estão as gravações do programa (chegando lá, basta clicar no "play"). Este outro link, é da página principal do blogue, onde o Ricardo, entre outras coisas, publica algumas das reacções de ouvintes do seu programa.

Votos de continuação do bom trabalho, para a Céu Campos e o Ricardo Cardoso... e parabéns!

10 comentários:

salvoconduto disse...

Atrevo-me a dizer que são precisos muitos mais atrevimentos como esse.

Justine disse...

Valha-nos estas lufadas de ar fresco, no pântano em que quase se transformou este nosso país!

Portaria ILEGAL disse...

Aprenda a roubar Portugal aqui: http://portaria-59.blogspot.com/

Maria disse...

"Safaste-te" por indicares os links, senão não te perdoava a notícia (tão tardia) deste belo atrevimento saudável que vou ouvir de imediato.

:))

Abreijos

Pata Negra disse...

Acabei por ouvir, tu mandaste. O Casanova é um tipo muito mal pintado pelos média. Não sendo do partido, já tive oportunidade de estar com ele entre 10 pessoas, gostar do ouvir, tal como agora e... vivam as rádios livres.
Um abraço com a tua voz de boa música

GR disse...

Boa rádio se faz no Sul, ouvida também no Norte.
Gosto de ouvir as entrevistas do Ricardo Cardoso e das manhãs infantis.
Arestas de Vento tem o doce aroma de Cravos Vermelhos e uma brisa de liberdade e já tem histórias para contar. Com uma forte teimosia conscienciosa Ricardo Cardoso e Céu Campos, não se deram como derrotados.

GR

Nocturna disse...

Viva a Popular FM !
José Casanova,que conheço bem, não corresponde nada à imagem que dele pintam os «media».É um homem de grande sensibilidade e além do mais, um excelente escritor,já li todos os seus romances e ainda hoje sinto a ternura que passa pelo romance «Aquela Noite de Natal», além de que é senhor de uma escrita belíssima.
É mesmo uma lufada de ar fresco, uma rádio onde são entrevistados, Samuel,Fernando Tordo entre outros, é obra.
Tenhamos esperança, nalguns jovens, nem tudo está perdido.
Um abraço nocturno esperançado

Anónimo disse...

Em meu nome e da Céu Campos
Obrigado AMIGOS.
Ricardo Cardoso (autor do do programa de artes e ideias Arestas de Vento)

"NADA HÁ MAIS BELO QUE SER LIVRE !!!"
Obrigado Samuel
RC

samuel disse...

Salvoconduto:
Muitos mais!

Justine:
Mesmo que só por umas horas...

Portaria Ilegal:
Irei ver...

Maria:
Uff!!!

Pata Negra:
É exactamente como dizes!

GR:
Viva! Ah, então sabes do que estou a falar...

Nocturna:
As imagens com que nos pintam... muitas vezes não passam de borrões propositadamente mal intencionados.

Ricardo e Céu:
Obrigado, eu!


Abreijos colectivos.

LUIS FILIPE ESTRELA disse...

O Programa de rádio ARESTAS DE VENTO (POPULAR FM-PINHAL NOVO)é "só" o mais antigo do PAÍS dos "cravos decepados e das rosas adiadas". PARABENIZO CÉU CAMPOS, RICARDO CARDOSO E SUA EQUIPA.