domingo, 8 de fevereiro de 2009

A grande onda




Adoraria ser capaz de escrever algo de interessante, ou pelo menos inteligível, sobre a imponente força deste mar, da fragilidade patética dos barcos e da coragem dos homens, que tanto se vêem nos quadros deste pintor japonês, Katsushika Hokusai (1760-1849), como é o caso deste (talvez o mais famoso), “A grande onda”... mas não sai nada. Fico apenas a olhar, feito tolo!

16 comentários:

Cs disse...

olhar e sentir é já um privilégio.

Maria disse...

A expressão "ficar de boca aberta" foi inventada numa situação semelhante, seguramente frente ao mar, por alguém que viu uma "coisa" parecida...

Abreijos

fj disse...

Saber olhar também é de um ser inteligente...todos nós ficamos a olhar, perdidos no que nada sai.
Abraço e bom fds

anamar disse...

Mas, como diz a Maria, será preciso dizer alguma coisa????
Todas as grandes ondas caem fundo pela enorme beleza! E o silêncio acontece!
Abracinho

poesianopopular disse...

Companheiro
Não desanimes, ainda existem tantas coisas que não conseguimos entender, nem descrever, o mais importante é...continuar a procura, fazendo dela o modesto contributo para a história Universal.
Abraço grande

São disse...

Tão famoso , este quadro...
Feliz semana, com Maria.

Justine disse...

Quem não emudece, perante este colosso?

amigona avó e a neta princesa disse...

Estou contigo!

Ana Camarra disse...

Samuel

Pois, ainda por cima os Japoneses, são assim muito absolutos, não é?

beijos

Nocturna disse...

Perante uma obra-prima, com esta força , ficamos sem fôlego e... sem palavras.
abraço nocturno

Dulcineia disse...

Não... feito tolo, não. Exactamente o oposto: deslumbramento, infinitude, sei lá... acho q é um sentimento comum a todos, qdo se trata da natureza. parabéns pelo quadro escolhido!

Dulcineia disse...

Não... feito tolo, não. Exactamente o oposto: deslumbramento, infinitude, sei lá... acho q é um sentimento comum a todos, qdo se trata da natureza. parabéns pelo quadro escolhido!

BlueVelvet disse...

Nem semre tolo quer dizer "tolo".u fico assim sempre que olho para o mar.
Mas esta onda é deslumbrante.
De nos deixar "tolos".
Abreijinhos

Fernando Samuel disse...

«Ó mar, venha a onda forte»...


Um abraço.

samuel disse...

Cs:
Se é!...

Maria:
Mais que certo!... ☺

Fj:
E ainda bem...

Anamar:
Silêncio, também ele fundo.

Poesianopopular:
Procurando, sempre!

São:
Se for possível...


Obrigado pela visita.

samuel disse...

Justine:
É grande, não é?

Amigona:
☺ ☺

Ana Camarra:
Em quase tudo.

Nocturna:
Mas é muito bom!

Dulcineia:
Exactamente. Deslumbramento...

BlueVelvet:
Voltamos ao mesmo... tolos! ☺

Fernando Samuel:
“Por cima do areal...”
(anda aqui guardado para fazer um post com o Cília...)


Abreijos colectivos