quarta-feira, 25 de março de 2009

Apagar a "caixa" negra do voo...



Enquanto tudo se vai estatelando, o sistema financeiro, as empresas, o emprego, o ensino, a saúde, a confiança no futuro, há um português que a cada dia que passa, se vai tornando cada vez mais num fã incondicional (e agradecido) da crise internacional.

Para José Sócrates, tudo o que acontece no país é por causa da crise internacional!

A crise internacional está a permitir-lhe pôr os contadores todos a zero, atirar com algum dinheiro, ao calhas, para cima de alguns problemas, fazer durante os próximos meses um continuado esforço de demagogia... e apresentar-se ao eleitorado, para governar de novo...

Assim haja quem queira deixar-se enganar mais uma vez...

18 comentários:

salvoconduto disse...

Bem dizia eu que ele havia de cavalgar a crise...Só espero que um dia bata com os ditos no chão.

Abraço.

Maria disse...

E vão deixar-se enganar, outra vez, só que... espero que menos.
Só de pensar na trabalhêra que temos pla frente fico cansada...
(mas pronta pra ela!)

:)))

Abreijos

Kaotica disse...

Eu nunca me deixei enganar por esta gente, o que não quer dizer que não tenha que comer com ela à mesma. Mais uma mentira: Energie - o magalhães da energia solar (só que para pior ainda!)INACREDITÁVEL!

http://opafuncio.blogspot.com/2009/03/energie-o-magalhaes-da-energia-solar.html

Anónimo disse...

Grande poder de síntese.
Dizer o essencial em poucas palavras não é para toda a gente.
Parabéns

Campaniça

Antuã disse...

e há tanta gente que gosta de ser enganada!...

Orlando Gonçalves disse...

Eu acho que muita gente se vai deixar enganar, porque estes gajos tem um dom pra coisa, tipo o Paulinho das Feiras, conseguem sempre enganar, mesmo tendo feito muita mer**, só espero mesmo que sejam menos do que a ultima vez.

Manuela disse...

Nunca uma crise veio tão a calhar para certas personagens como esta.

Eu só espero que as pessoas se lembrem do estado do nosso país antes da crise. E que não vão na conversa da treta de que é preciso estabilidade. Deste tipo de estabilidade estamos nós todos fartos.

maria povo disse...

... estão a contar com a abstenção...!!!

Vamos mobilizar TODA a gente para votar`!!! há imensos jovens, filhos da Liberdade, que nunca votaram...!!!

há que mostrar, por a+b, quem trabalha e desfazer a ideia de "que são todos iguais".

Ontem, com a divulgação do trabalho efectuado pelos eurodeputados da CDU, viu-se quem trabalha!!! é por aí que devemos desmistificar a ideia!!!

a Revolução está em marcha!!!!

BlueVelvet disse...

Mas se ele mente em tudo, não ia mentir com isto, que até é uma boa oportunidade?
Ainda por cima deita as sementes em terreno fértil, porque está tudo tomado pelo aparelho e apaniguados.
E o pior é o ar resignado com que damos de barato que ele vai ganhar, e só pedimos que não seja com maioria.
Triste sina...
Abreijinhos

Aristides disse...

Ainda duvidas? Nós os portugueses "semos" assim. Gostamos muito que nos aldrabem.
Abraço

Fernando Samuel disse...

A crise está para ele como o esgoto está para as taínhas: é o alimento ideal...


Um abraço.

Joao Carlos disse...

...e pensar que esse tipo andou o ano de 2008 a negar a crise. Mas pergunto eu: qual crise?

A crise sempre esteve presente para quem vive do miserável ordenado ou da vergonhosa pensão.

Desculpa a correcção mas penso que fica melhor "... para se governar de novo...

Patricia disse...

Peço desculpa de estragar o tom dos comentários,não é que eu goste do homem,mas a demagogia da utilização da crise não é exclusivo do PS,os partidos da oposição tambem a usam como bandeira eleitoral.Já não bastava aos portugueses aquilo que a crise financeira e económica á escala global lhes está a provocar todos os dias,como ainda acontecer num ano de eleições.

pintassilgo disse...

e lembrar-nos nós que ainda não há um ano ele, o Socretino, afirmava a pés juntos que este país estava blindado contra a crise internacional. Pobres daqueles que se esquecem com facilidade porque deles é o reino dos céus...

Anónimo disse...

A própria imagem que antecede o texto indica que o alvo foi atingido! Como diz a anónima Campaniça: grande poder de síntese! Ou como diz o povo: "fazer o mal e caramunha". Realmente, fazer pagar a "crise" aos mais fracos e ainda por cima dizer que são eles os culpados são argumentos estafados.
Aplausos para o blogue e para o autor.
João

Pata Negra disse...

Há tipos com tanta sorte que até a merda da crise internacional lhe calha a jeito para encobrira merda que fazem!
Um abraço mais preocupado com a existência de Sócrates do que com a existência da crise

samuel disse...

Salvoconduto:
Há-de bater!...

Maria:
É uma “cansêra” boa!

Kaótica:
Essa é mais uma, sim.

Campaniça:
Quem me dera!... ☺

Antuã:
Pelo menos parece...

Orlando Gonçalves:
Que diabo! Pelo menos alguns hão-de abrir os olhos.

Manuela:
Lembrar o estado do país antes da crise é um exercício de memoria já bastante difícil para alguns... impossível para muitos, infelizmente.

Maria Povo:
Cada dia será um dia...

BlueVelvet:
Baixar-lhe a crista arrogante, já será um bom passo.

Aristides:
Há tantos anos!...


Abreijos colectivos!

samuel disse...

Fernando Samuel:
Esse paralelismo é “grande”! ☺ ☺

João Carlos:
Mesmo que ele não se governe por aí além... o diabo é o rebanho que anda atrás dele.

Patrícia:
Os partidos da oposição não são todos iguais! Houve mesmo quem, muito tempo antes, prevenisse sobre o que aí vinha, com intenção de o evitar e não de se servir...

Pintassilgo:
Só não estávamos blindados, infelizmente, para os efeitos da sua governação, das mentiras compulsivas...

João:
Argumentos estafados mas que, desgraçadamente, vão repetidamente pegando. Acabam por ser sempre os mesmos a pagar.

Pata Negra:
É bem mais preocupante... e ao que parece, mais duradouro.


Abreijos colectivos!