sexta-feira, 13 de março de 2009

Assim como que uma espécie de sondagem









Uma única coisa joga, neste momento, a favor de Manuel Alegre, o facto de aqueles que dentro do PS o ofendem publicamente e não escondem que gostariam de o expulsar do partido, serem criaturas tão equívocas como a nódoa José Lello ou o caceteiro Carlos Candal.

Porque não o deixam em paz, para que ele possa, como alguém disse com graça, às segundas, quartas e sextas ser da situação, às terças e quintas ser revolucionário e estar com os pobres e o povo... e aos sábados e domingos ir caçar e pescar com os seus amigos ricos e monárquicos?

De qualquer maneira, quem como eu, já esteja farto até à medula óssea, desta novela dos amuos do deputado que é, mas não sabe se vai ser, a menos que falem com ele, e se demarquem disto, ou lhe puxem o lustro àquilo, ou lhe peçam muito, e agarrem-me senão eu vou embora, et cetera, et cetera, até à náusea... ponha o dedo no ar!

19 comentários:

Maria disse...

Posso pôr os dedos todos?
E os dos pés?
"agarrem-me senão eu vou embora" tá porreiro...

E mudámos de cabeçalho?
:)

Amanhã eu grito.
Abreijos por aí

Cs disse...

Esse dedo está super-erótico. Onde é que lho havemos de meter?

cs disse...

(lhe o)

salvoconduto disse...

Pois eu tenho o dedo médio bem esticado e os dois que lhe estão ao lado encolhidos...

Abraço.

BlueVelvet disse...

Temos cara nova!
Então e que dedo pomos no ar?
A mim isto aborrece-me um bocadinho porque tenho dificuldade em separar o que se passa com o cantigamente dele...
Posso pôr o dedo mindinho?
Abreijinhos

Antuã disse...

Daqui a bocado vou para Lisboa Mudar de Rumo.

do zambujal disse...

Cá por mim seria o dedo grande, o do meio, com os dedos vizinhos recolhidos, como fazia quando andava na escola a aprender coisas destas e doutras... se não estivesse a treinar para ter o punho fechado e a acompanhar umas coisas que vou gritar (eu que não muito de gritar) daqui a bocado.
Mais uma boa malha.
Um abraço. Até já?

Camolas disse...

- A flexibilidade politica sempre foi atributo dos PS's.
"Hoje sim amanhã não"

Fernando Samuel disse...

Eu ponho o dedo no ar... mas vou acompanhando o folhetim - que, aliás, teve hoje notáveis «desenvolvimentos»...

Um abraço.

duarte disse...

Esse manel é uma caixinha de surpresas, ou será um contentor delas?
quanto ao dedo vai para onde mando muita gente.
abraço do vale

Orlando Gonçalves disse...

Ponho os dedos todos, já nem os posso ouvir, criam factos politicos, sem relevancia, não há pachorra.

vermelho disse...

Estou com o Salvoconduto!
Abraço.

lino disse...

Eu duplico o "salvo", com os dois médios bem esticados e os dois do lado encolhidos.

Maria disse...

Foi enorme!
Um mar enorme de muita gente!
Vim aqui só para te dizer iksto mesmo, que gritámos, e que depois fomos molhar as goelas, de tão secas estavam...
Agora vou para a música.
Até mais logo!

Abreijos por aí

Swt disse...

Thumbs up!

Portaria ILEGAL disse...

Está mal disposto?
Vá aqui: http://portaria-59.blogspot.com/2009/03/o-melhor-pais-do-mundo.html

XICA disse...

Modestamente, aqui fica o dedo no ar.

Pata Negra disse...

Canta bem mas não me Alegre! Até ver só tem servido para dar a ideia de que os seu partido, o mesmo de Sócrates, é plural! O homem é fino!
Um abraço farto da novela de entretenimento

samuel disse...

Maria:
À vontade...
É no que dá ter filho “gráfico”... ☺

Cs:
A imaginação ao poder!

Salvoconduto:
É uma opção respeitável.

BlueVelvet:
Nova, mas “calma”, espero...
Claro!

Antuã:
E valeu a pena!

Do Zambujal:
Com grande desgosto... não deu!

Camolas:
Flexibilidade...pois... ☺

Fernando Samuel:
O homem não pára.

Duarte:
Pena... que não vão...

Orlando Gonçalves:
Com os dedos todos também dá.

Vermelho:
Não estás só!

Lino:
E vai mais um...

Maria:
Boa!

Swt:
☺ ☺

Portaria Ilegal:
... ...

Xica:
Porquê modestamente?

Pata Negra:
Serve para isso mesmo!


Abreijos colectivos!