segunda-feira, 16 de março de 2009

Mário Soares - grandes meios





Esse extraordinário monumento à falta de vergonha que é Mário Soares, só muito raramente consegue açaimar o animal raivoso que traz dentro de si e que a cada ano que passa, consciente das repetidas traições, mentiras e falcatruas que são o somatório da sua vida, explode, à vista de qualquer coisa que lhe cheire a CGTP, trabalhadores, ou que ostente cores mais carregadas do que o seu “rosa parolo”. O vermelho, então, cega-o!

Vem este simpático intróito a propósito das declarações deste “nosso” grande ex tudo e mais alguma coisa, que a propósito da grande manifestação de sexta-feira passada, enquanto ia dizendo que ela revelava a existência de um grande descontentamento, não se aguentou e acrescentou que revelava igualmente haver grandes meios para trazer gente para Lisboa.

Evidentemente!... Toda a gente sabe que os sindicatos e principalmente a sua principal central sindical, a CGTP-IN, nadam em milhões e milhões... sobretudo desde que se meteram naqueles negócios fantásticos dos diamantes ensanguentados da UNITA e do seu amigo, o criminoso Jonas Savimbi... Peço desculpas! Estou a trocar tudo! Este negócio (entre outros) é do Dr. Mário Soares e da sua família, como se sabe! De qualquer maneira, a CGTP a algum lado vai buscar as fortunas que gasta a pagar às pessoas para virem a Lisboa, constantemente e por dá cá aquela palha.

Ah!... Deve ser à “Fundação-Não-Sei-o-Quê”, que além de sacar rios de dinheiro ao Estado, também continua a ter como grandes amigos e financiadores o velho companheiro Frank Carlucci, mais o... Ó pá! Lá estou eu outra vez!... Este negócio da “Fundação” também é do Dr. Soares! (Que cabeça a minha!!!)

Aqui para nós, a verdade é que a Intersindical está rica... só que é de um “capital” que o Dr. Mário Soares nunca verá nas suas várias contas bancárias, que é o respeito com que os trabalhadores sabem generosamente recompensar aqueles que verdadeiramente estão com as suas lutas, mesmo que não tenham vindo das mesmas escolas, escritórios, estaleiros, oficinas e campos de miséria.

Mas isso, se o Doutor Soares alguma vez soube... esqueceu!

22 comentários:

salvoconduto disse...

Esse comentário de Mário Soares deveria merecer a atenção de Carvalho da Silva, e por aqui me fico...

Abraço.

Maria disse...

O homem está senil. Mas a língua continua a destilar ódio pelos trabalhadores.
Disseste tudo, (ou quase tudo), Samuel.

Abreijos

Antuã disse...

A mãe teria sido uma santa se o tivesse abortado. Portugal estaria mais limpo e desenvolvido. Quanto às negociatas mafiosas e ensanguentadas nem falo nissso!

do zambujal disse...

G'anda malha!
Só não concordo, Maria comentadora, com essa do fulano "estar" senil... até parece desculpá-lo. Ou então estará "senil" desde os seus 30 anos, desde que se passou para o lado da sucial-democracia e do anti-comunismo militante.

Cs disse...

Se ele é a vergonha personificada nunca terá falta de vergonha!

José Rodrigues disse...

Vamos fazer um grande 1º de Maio.A "espinha da CGTP" não foi nem será partida como era desejo da grande burguesia,servida por lacaios da laia do Dr.Bochechas!

José Rodrigues

maria povo disse...

troca tintas é pouco!! e pensar eu que foi com o meu voto que foi presidente... que dinossauro que engoli!!!

mas ficou claro que sem o NOSSO voto, nenhum presidente do ps será eleito!!!

os meios que CGTP utilizou foram os meios Humanos!!! situação que este senhor inveja!!

pena será não ver o seu próprio funeral!! que até poderá ter muitas honras de estado, mas o povo não o acompanhará como fez com OUTRO HOMEM!!!

ou então veremos os "meios que o ps utilizará"... (até deu para ver quando o ps ganhou a cml, os apoiantes que tinha a festejar... de onde eram???)

anamar disse...

Que as palavras te não doam....
"senil"... não está! Só quando náo faz a sesta, baralha-se...

Manhoso, sempre!

Anónimo disse...

Assustado com a crise, o Congresso americano fez o que deu controvérsia: subvencionou empresas para não falirem. A direita americana queixou-se mas tinha contra ela a lógica de um dos seus, John Foster Dulles, que foi secretário de Estado de Eisenhower, na Guerra Fria. Dulles, é certo que para outras lutas que não as financeiras, inventou a Teoria do Dominó: se um país cai na órbita comunista, logo sucede o mesmo aos vizinhos... Daí o esforço para suster a epidemia onde quer que ela se revelasse. Foi assim que Obama argumentou para doar o dinheiro dos contribuintes a quem o tinha malbaratado. Deixar cair a seguradora AIG poderia parecer uma vingança justa, a malandra tinha investido na Bolsa como um mafioso de Nova Jérsei aposta nas corridas de cavalos. O problema é que a sua queda empurraria outras, como as pedrinhas do dominó. Deram-lhe, pois, 170 mil milhões de dólares para se recuperar. Ontem, soube-se que a AIG reservou 165 milhões desse favor que lhe fizeram para... dar bónus aos seus executivos! Sim, sim, os incompetentes que levaram a sua empresa à falência acham-se com direito a prémio e justificam: está nos contratos! |

Adriana disse...

Acho que é uma falta de vergonha estes absurdos.

Fernando Samuel disse...

Esqueceste outras importantes «fonte de rendimento» da besta: o amigo facínora Mobutu; o amigo facínora Rei de Marrocos, etc, etc, etc...


Um abraço.

Fernando Samuel disse...

Adenda: subscrevo na íntegra (com reticências e tudo, o comentário do salvo conduto.

Susete Evaristo disse...

Eu estive lá.
Lá na GRANDE MANIFESTAÇÃO e vi nos olhos sinceros de todos os que ali estavam a vontade de lutar, vi a força da sua convicção nas palavras gritadas, no direito que tem à justiça, ao trabalho e ao pão.

Mar Arável disse...

Trata-se de um tartufo

ainda a manipular

máscaras ocultas

Guimaraes disse...

Há 30 anos dizia-se que esses dinheiros vinham da União Soviética. Como aquilo faliu, agora só podem vir do Chavez....

Joao Carlos disse...

é mais uma necessidade de desviar a atenção do assunto que o devia preocupar: porquê?

Duzentos mil são postos com facilidade em Lisboa?
E já agora acrescento: será que os outros 150 mil professores também foram?

O que esse senhor esqueceu mais uma vez foi a manipulação que os senhores governantes fazem dos números das greves e das manifestações.
À descarada (des)informação de números errados segui-se a descarada falta de informação.

Esse senhor devia era ter vergonha de ver um sindicalista amarelo ao lado do Pinóquio, ser elogiado e apontado como o verdadeiro sindicalista. Só se for do sindicato dos vendedores de computadores e afins!

Já não engana ninguém e todos sabemos que para que fim foi a UGT inventada.

Esse senhor nunca perderá o seu ódio a quem trabalha e reclama dos seus direitos.

samuel disse...

Salvoconduto:
Essa seria uma bela ideia...

Maria:
Convém ficar sempre com alguma coisa para dizer... ☺

Antuã:


do Zambujal:
Vou nessa. Senil desde os trinta. ☺
Era bom, se fosse essa a explicação. Infelizmente, não é!

Cs:
Pois... não iria começar agora.

José Rodrigues:
Será um grande 1º de Maio!

Maria Povo:
Também teve o meu voto. Vamos esquecer coisas tristes, tá?

Anamar:
Manhoso, sim! Em todos os sentidos...

Anónimo:
Tudo, tudo... menos países a caírem na órbita comunista! ☺

Adriana:
Total!


Abreijos!

samuel disse...

Fernando Samuel:
☺ ☺ ☺
É portanto seguro afirmar que não gostas lá muito do senhor...

Susete Evaristo:
Por vezes está tudo ali. No brilho dos olhos!

Mar Arável:
Já seria tempo de cair o pano sobre a figura...

Guimarães:
Só pode...

João Carlos:
Nesse ódio ele é coerente...


Abreijos colectivos!

Hilário disse...

Não esquecer que este senhor era um dos tais que queria partir a espinha à CGT-IN.

A riqueza da CGTP-IN é o seu trabalho em prol dos direitos dos trabalhadores.

Um Abraço

samuel disse...

Hilário:
Dizes bem! QUERIA!...

Abraço

vermelho disse...

Como já disse lá na minha casa o Mário Sóares é o grande 666 da democracia portuguesa. Eu estive dentro de uma sede do PC em 1975 e lembro-me perfeitamente do cheiro a gasolina com que esses cabrões do PS nos regaram as escadas de madeira... O João Sóares é que devia ter morrido incinerado pelo jet da avioneta angolana que insistiu em carregar com mais marfim, numa ganância que o piloto não conseguiu fazer levantar para além das copas das árvores!
Abraço.

samuel disse...

Quem os conheceu realmente, não esquece!

Abraço